UFSC e Sebrae promovem educação empreendedora e lançam concurso universitário

13/05/2015 10:28

A Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq) promoveu na última sexta-feira, 8 de maio, em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o primeiro “Empreende UFSC”, cujo objetivo é estimular a educação empreendedora, a cultura de proteção à propriedade intelectual  e a transferência de tecnologia e inovação no ambiente acadêmico da Universidade. A ocasião também propiciou o lançamento do 8º Concurso Estadual de Planos de Negócio para Universitários, que premia os melhores planos apresentados por estudantes de Santa Catarina.

Aproximadamente 150 pessoas assistiram a palestra. Foto: Henrique Almeida/Agecom/DGC/UFSC

Aproximadamente 150 pessoas assistiram a palestra. Foto: Henrique Almeida/Agecom/DGC/UFSC

Esta edição do concurso, que faz parte da agenda de atividades do “Empreende UFSC”, premia os melhores planos de negócio em cinco categorias – Indústria, Comércio, Serviços, Agronegócios e Negócios Digitais – com uma viagem ao Vale do Silício, Estados Unidos. Dois dos professores orientadores também são beneficiados com o prêmio.

O “Empreende UFSC” é uma ampliação do programa “Educação Empreendedora na UFSC: implantação de atividades de fomento ao empreendedorismo e propriedade intelectual”, resultado da parceria firmada em 2013 com o Sebrae. A diretora do Departamento de Inovação Tecnológica (DITS) da Propesq, Rozangela Curi Pedrosa, explica que, atualmente, existem outros parceiros como o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), o Instituto Nacional da Propriedade Industrial (Inpi) e a Secretaria do Estado de Desenvolvimento Sustentável de Santa Catarina (SDS-SC).

O pró-reitor de Pesquisa, Jamil Asseury, destacou a importância da atividade e falou com otimismo da evolução da visão empreendedora no Brasil. A coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Farmácia (PGFar), Tânia Pasa, também participou do evento. No mês passado, foram abertas inscrições a todos os estudantes para uma disciplina sobre empreendedorismo por meio da PGFar. 
(mais…)

UFSC e prefeitura de Santo Amaro da Imperatriz firmam convênio para desenvolvimento de projetos

05/03/2014 17:44

Reunião marcou a assinatura do convênio entre a UFSC e a Prefeitura Municipal de Santo Amaro da Imperatriz
Foto: Jair Quint/Agecom/UFSC

A reitora Roselane Neckel e o prefeito de Santo Amaro da Imperatriz, Sandro Vidal, assinaram, na última quarta-feira, 26 de fevereiro, um convênio de pesquisa e extensão e para o desenvolvimento e execução de projetos voltados às áreas da saúde, educação e meio ambiente. O termo prevê a execução de ações educativas e de diagnóstico parasitológico na rede municipal de ensino, além do desenvolvimento de uma proposta de gerenciamento de resíduos sólidos e estudos de inundações, com planejamento de drenagem urbana.

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) contribuirá com a participação de professores e alunos do Curso de Graduação em Engenharia Sanitária e Ambiental, do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Ambiental e das áreas de saúde, ciências biológicas e ciências sociais. Além disso, a Universidade deverá disponibilizar bolsas para os acadêmicos envolvidos. A contribuição da prefeitura de Santo Amaro será o fornecimento de transporte e alimentação, além de uma bolsa de estudos e do apoio financeiro para a compra de materiais de consumo e serviços de terceiros.

A reitora destacou as características sociais e ambientais do convênio e agradeceu aos professores da UFSC pelo esforço para fazer com que o projeto saia do papel. “Temos muitos convênios, mas esta intervenção tem um sentido social muito amplo. São milhões de beneficiados. Agradeço aos professores, por terem se empenhado em buscar recursos”, ressaltou. “Não nos interessa a cor partidária; se os resultados forem bons, estaremos lá como academia, para trazer resultados pelo bem comum. Isso é muito importante para nós: o interesse genuíno em fazer algo para a população. É objetivo da Universidade fazer essa devolução para a comunidade”, complementou a reitora.
(mais…)

UFSC discute Sapiens Parque com Governo do Estado e Prefeitura

24/07/2013 10:34

A UFSC e o Governo do Estado estão trabalhando para repactuar, institucionalizar e potencializar a cooperação no parque tecnológico e de inovação. (Foto: Gabriela Dequech – AI/GR)

As reitoras da UFSC, Roselane Neckel e Lúcia Helena Martins Pacheco, receberam ontem (22) o secretário de Desenvolvimento Econômico Sustentável de Santa Catarina, Paulo Bornhausen, e o secretário de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico Sustentável de Florianópolis, Rui Gonçalves, e suas equipes para discutir a participação da Universidade como âncora científica e tecnológica no Sapiens Parque.

“A UFSC é player fundamental. É o alicerce no movimento de ciência e tecnologia em Santa Catarina. A Universidade é importante nesse processo e, por isso, precisa estar envolvida, associada também à sua gestão, com o papel de protagonista nesse movimento. Viemos nos colocar à disposição para montar uma agenda propositiva e alinhada. Já aproximamos também a Secretaria Municipal e, a pedido do governador, viemos convidar a UFSC para que seja também uma parceira do Sapiens Parque”, afirmou Paulo Bornhausen.

(mais…)

Universidade busca recursos para implantar ciclovias dentro e no entorno do campus em Florianópolis

12/07/2013 10:49

Um sistema cicloviário que interligue todos os Centros de Ensino da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em Florianópolis, com iluminação e sinalização adequadas. Esse é o projeto da Rede Cicloviária da UFSC que a Administração Central levou à Prefeitura Municipal de Florianópolis (PMF) na última terça-feira (9). O objetivo da reunião foi discutir parcerias que tirem do papel este e outros projetos de mais segurança e mobilidade no trânsito dentro e fora do campus.

A proposta integra, por meio de ciclovias e ciclofaixas, os bairros no entorno da UFSC (Trindade, Carvoeira, Serrinha, Córrego Grande, Pantanal, Santa Mônica e Itacorubi), chegando até o Centro de Ciências Agrárias (CCA). Segundo a Prefeitura Municipal, existe a possibilidade de ampliação dessa rede, chegando ao Horto Florestal, no Córrego Grande, e de disponibilizar na região o serviço de aluguel de bicicletas, o Floribike, que está em processo de licitação pela PMF.
(mais…)

Bolsas de estudo na Espanha para arquitetos e engenheiros

02/05/2013 14:28

A Secretaria de Relações Internacionais (Sinter) da UFSC comunica que a Universidad de Cantabria, da Espanha está oferecendo bolsas de estudo para o Mestrado, dirigidas a  arquitetos e engenheiros em Tecnología y Gestión de la Edificación – Construcción (curso 2013-14, 8ª Edición), no valor de 300 euros e mais uma ajuda para a viagem à Espanha, no valor de 400 euros.

Os interessados deverão enviar o curriculum vitae e cópia do diploma Esta imagem contém um endereço de e-mail. É uma imagem de modo que spam não pode colher..

UFSC e Universidad Veracruzana estabelecem acordo de cooperação e convênio de intercâmbio

25/04/2013 16:40

Professor André Ramos apresentando o Projeto “Imagine” à Universidad Veracruzana, do México

O secretário-adjunto de Relações Internacionais, professor André de Ávila Ramos, representando a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), esteve em missão oficial na Universidad Veracruzana (UV), no México, de 14 a 17 de abril. A visita teve o objetivo de fortalecer e ampliar as ações de cooperação entre a UFSC e a UV, uma das maiores e mais importantes universidades públicas do país.

Na ocasião, o secretário-adjunto foi acompanhado por Marcos Juarez Martínez, responsável pelas Relações Internacionais da Universidad Veracruzana Intercultural (UVI), uma iniciativa da UV que estabeleceu polos de ensino superior em quatro regiões indígenas do estado de Veracruz. Também visitou a sede de Grandes Montañas, uma das quatro sedes da UVI, onde assistiu a apresentações de alunos de licenciatura em Gestão Intercultural para o Desenvolvimento, e fez uma apresentação do Projeto Imagine, que pretende levar conhecimentos básicos de ciência e manifestações culturais a comunidades marginalizadas do Brasil e de mais quatro países, incluindo o México.

Além disso, o professor André  conheceu o povoado vizinho em que o Projeto Imagine deverá ser executado e visitou o principal campus da UV em Xalapa, capital do estado, onde concentram-se o Museu de Antropologia; o Campus para a Cultura, a Arte e o Esporte; a Biblioteca e a Escola para Estudantes Estrangeiros, que ensina espanhol como segunda língua desde 1957.

André e autoridades da Universidade Veracruzana, após assinatura de acordo de cooperação e convênio entre as instituições

André e autoridades da Universidade Veracruzana, após assinatura de acordo de cooperação e convênio entre as instituições

No fim da visita, em reunião com diversas autoridades na Diretoria de Relações Internacionais, foram assinados um acordo de cooperação e um convênio de intercâmbio entre a UFSC e a UV, permitindo a execução de inúmeros projetos de colaboração em todas as áreas, e a mobilidade de estudantes, professores e técnico-administrativos em Educação.

Fonte: SINTER

UFSC deve firmar parceria com o Ministério do Trabalho

11/04/2013 09:22

Foto: Sâmia Fiates

A vice-reitora, Profª. Lúcia Pacheco, os pró-reitores de extensão, Prof. Edison da Rosa e Maristela Helena Zimmer Bortolini, os representantes da Fundação do Ministério do Trabalho (Fundacentro) – que atua na saúde e segurança do trabalhador -, o pesquisador Artur Moreira e o chefe da Fundacentro de Santa Catarina, Orlando Mantovani, estiveram reunidos na tarde de terça-feira, 9 de abril, para conversar sobre uma possível parceria entre a universidade e a fundação.

A cooperação entre as duas instituições visa desenvolver ações de pesquisa e extensão que auxiliem o trabalho da Fundacentro e enriqueçam o aprendizado e a produção dos alunos e professores da UFSC. Atualmente a Fundacentro possui demandas que não consegue suprir na área de saúde e segurança no trabalho.

A primeira delas é a saúde dos trabalhadores de frigoríficos. Segundo Artur Moreira, “Não há muitos estudos sobre as doenças que esse trabalho pode causar.” Orlando Mantovani explica que a temperatura dentro dos frigoríficos fica em torno de 8 ºC a 12 ºC , o trabalho é repetitivo e a jornada é longa e ininterrupta. Sob essas condições, os funcionários podem desenvolver uma lesão por esforço repetitivo (LER), depressão e contaminação biológica. “Visitei quatro frigoríficos. Eu não tinha ideia de como isso afeta a nossa população”, afirma Mantovani.

A segunda demanda diz respeito à segurança na construção civil. Dados recentes apontam que morre mais de um trabalhador por dia, em virtude de acidentes no canteiro de obras. Artur Moreira destaca que muitas mortes são causadas por quedas e que o guarda-corpo, proteção de periferia coletiva, pode evitar esses acidentes. Moreira completa que, para aprimorar a eficácia desse  equipamento, seria necessário expandir o estudo de materiais e formas de aplicação.

A proposta da Fundacentro foi encaminhada à UFSC no final do ano passado. Os representantes da fundação garantiram que há recursos públicos disponíveis para o desenvolvimento dos projetos, e a única condição é que a universidade desenvolva um trabalho disponível e gratuito à população.

A professora Lúcia Pacheco afirmou que a UFSC possui cursos, professores e alunos qualificados para desenvolver pesquisas e ações de extensão nesta área. Depois que o termo de cooperação for firmado, a PROEX deve começar a pensar em como concretizar os projetos. “Com o foco do trabalho definido, um prazo estipulado e o recurso disponível, poderemos fazer um edital para selecionar projetos”, afirmou o pró-reitor de extensão, Prof. Edison da Rosa.